Call 023 7526 8539 or Make Online ReservationMAKE RESERVATION NOW

Blog

Conheça os doces franceses que foram bem recebidos e abrasileirados

Categoria(s): Blog, Bolos, Curiosidades

A arte é universal. E isso vai desde o refrão famoso ao filme inesquecível e às hipnotizantes páginas de livros que parecem fazer as horas do dia passar mais rápidas. Na cozinha, da mesma forma, a arte é de todos e, também, para todos.

Assim, dizer que as nossas sobremesas mais queridas e deliciosas vieram da França não passa de mera formalidade pelo crédito da invenção. De resto, a doçura de suas receitas passa a pertencer, aqui e ali, e de todos os lugares um pouquinho.

Os doces franceses mais abrasileirados

torta-de-limao

Mil folhas: abrasileirado, o doce não perdeu muito da sua identidade saborosa, ao vir para a nossa terrinha, mas já se encontra em tantas confeitarias que a sua origem pode vir a confundir uns e outros.

Éclair: para nós, atende por bomba, mesmo. De chocolate ou de creme, ao gosto do freguês. A criatividade, inclusive, tem imperado, e a éclair (bomba) aceita mais recheios e coberturas do que as tradicionais, muito presentes em padarias e docerias.

Profiteroles: um dos doces mais descaracterizados de sua origem francesa, o profiteroles ficou conhecido, por aqui, como Carolina. Com a mesma massa, mas mais seca, e a cobertura mais rígida e menos cremosa. Ainda assim, indiscutivelmente deliciosa.

Tarte citron: a nossa inconfundível torta de limão. Azedinha e docinha na medida certa, em um equilíbrio pouco comum na nossa rotina. O merengue é opcional, mas devem ser pouquíssimo os que não arriscam complementar a sua tarte citron com o merengue.

Macaron: cada vez mais difundido no país, e cada vez mais variado para se adaptar aos costumes de cada região do nosso imenso país, o macaron pediu emprestado alguns dos sabores nacionais e, hoje, oferece variações exclusivas, como nos sabores de paçoca, milho, maracujá e cupuaçu.

macaron

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>