Call 023 7526 8539 or Make Online ReservationMAKE RESERVATION NOW

Blog » Bolos

A história de Ladurée

Categoria(s): Bolos, Curiosidades, Dicas

ladureeLadurée é uma das padarias maios famosas de Paris, cuja história se inicia em meados do século 19, e cuja popularidade se estendeu par ao resto do mundo, ao longo dos anos. Entre as especialidades da casa, um macaron está entre os mais pedidos e repercutidos.

Hoje em dia, a loja se espalhou por muitos países, entre eles: Brasil (com sucesso imediato assim que se instalou na terrinha sul-americana), Estados Unidos, Inglaterra, Itália, Líbano, Suíça e Turquia.

Mas esses mais de 150 anos de história começam, especificamente, no ano de 1862, a partir da inventividade de Louis-Ernest Ladurée, que viu a sua primeira padaria queimar, literalmente, como uma das consequências da Revolução.

Em seguida, Ladurée levou o seu espírito empreendedor para inaugurar uma pâtisserie, cuja pintura do teto é assinada por Jules Chéret, tornando-se uma das assinaturas do estilo estético de Ladurée. Mas algo faltava, na concepção de Ladurée, para que o seu empreendimento deslanchasse de vez.

E a solução foi misturar o sucesso da sua loja com um sucesso que começava a despontar em Paris: as conceituais lojas para tomar um bom café e passar o tempo. Logo, o lugar se transformou em uma casa de chá, cujo conceito se espalhou rapidamente – bem como a fama de Ladurée.

Incansável, a marca se reinventou com o seu macaron, cujo toque de mestre foi adicionado a partir de um cremoso e delicioso ganache que vinha no interior do popular doce. E foi assim que a Ladurée se assumiu como uma das lojas mais conhecidas de Paris, bem como o seu doce, deixando-o, por algum tempo, como o mais popular da França.

Em comum, as lojas de Ladurée apelam pela visualidade que se via na primeira loja: afrescos sofisticados, lustres de cristal e espelhos. Vale a visita e alguns macarons para viagem, depois de degustar alguns.

Leia mais

Conheça os doces franceses que foram bem recebidos e abrasileirados

Categoria(s): Blog, Bolos, Curiosidades

A arte é universal. E isso vai desde o refrão famoso ao filme inesquecível e às hipnotizantes páginas de livros que parecem fazer as horas do dia passar mais rápidas. Na cozinha, da mesma forma, a arte é de todos e, também, para todos.

Assim, dizer que as nossas sobremesas mais queridas e deliciosas vieram da França não passa de mera formalidade pelo crédito da invenção. De resto, a doçura de suas receitas passa a pertencer, aqui e ali, e de todos os lugares um pouquinho.

Os doces franceses mais abrasileirados

torta-de-limao

Mil folhas: abrasileirado, o doce não perdeu muito da sua identidade saborosa, ao vir para a nossa terrinha, mas já se encontra em tantas confeitarias que a sua origem pode vir a confundir uns e outros.

Éclair: para nós, atende por bomba, mesmo. De chocolate ou de creme, ao gosto do freguês. A criatividade, inclusive, tem imperado, e a éclair (bomba) aceita mais recheios e coberturas do que as tradicionais, muito presentes em padarias e docerias.

Profiteroles: um dos doces mais descaracterizados de sua origem francesa, o profiteroles ficou conhecido, por aqui, como Carolina. Com a mesma massa, mas mais seca, e a cobertura mais rígida e menos cremosa. Ainda assim, indiscutivelmente deliciosa.

Tarte citron: a nossa inconfundível torta de limão. Azedinha e docinha na medida certa, em um equilíbrio pouco comum na nossa rotina. O merengue é opcional, mas devem ser pouquíssimo os que não arriscam complementar a sua tarte citron com o merengue.

Macaron: cada vez mais difundido no país, e cada vez mais variado para se adaptar aos costumes de cada região do nosso imenso país, o macaron pediu emprestado alguns dos sabores nacionais e, hoje, oferece variações exclusivas, como nos sabores de paçoca, milho, maracujá e cupuaçu.

macaron

Leia mais

Recheios para bolos

Categoria(s): Blog, Bolos, Dicas

bolo-morango

O bolo é um dos destaques na maioria das festas, seja um casamento, um aniversário infantil, uma bodas ou uma comemoração entre amigos. Atualmente as pessoas sentem-se perdidas entre tantas opções de recheios para o bolo. Devemos lembrar que a decoração, deve acompanhar o tema da festa, já os sabores e recheios devem agradar principalmente aos anfitriões!

Quando falamos de bolo de casamento, ele pode variar entre os mais clássico ao mais moderno, os recheios mais comuns para esta ocasião são: chocolate com nozes (um clássico, muito utilizado no mês de Dezembro, é uma combinação deliciosa), doce de leite com castanha do pará (torna o bolo mais sofisticado e elegante e proporciona um sabor único), doce de leite com damasco (para um bolo requintado e sabor indescritível), baba de moça (apesar de dividir muitas opiniões, combina muito com cerimônias de casamento), brigadeiro (pode-se adicionar frutas para suavizar), beijinho (super brasileiro, marcante e delicioso), chantilly com morango (fresco, simples e gostoso).

Já quando falamos de festas infantis, o tradicional brigadeiro ou então dois amores, é o mais indicado, as crianças (e adultos), amam!  Colorido e alegre por fora, deve encher os olhos dos convidados e agradar o paladar de todos!

Bolo Infantil

Para demais festas e eventos, além dos sabores citados para casamentos e festas infantis, pode-se ousar ainda mais!

Encomende seu bolo conosco! Entre em contato:  (41) 3322 1666 | contato@cesarmonteiro.com

 

 

Leia mais

A história do bolo de casamento

Categoria(s): Blog, Bolos, Dicas

bolo-casamentoO bolo, é um dos itens mais importantes em um casamento.

O costume de celebrar datas importantes com bolo, vem de longe. Na Idade Média vingou o costume de empilhar vários pequenos bolos, trazidos pelos convidados. Certa vez, um jovem panificador decidiu colocar todos estes pedaços juntos, unindo-os com um creme gelado, dando origem ao conhecido bolo de casamento em várias camadas. Símbolo de sorte e prosperidade, centro das atenções das comemorações do casamento, o bolo foi evoluindo, ganhou glacê e decoração especial. Surgindo assim, meio por acaso, o bolo em andares. Ao fim do século XIX, quanto maior e mais detalhes tivesse o bolo, mais importante seria a festa. Chegavam a ter 150 kg e mais de dois metros de altura.

No Brasil, os bolos de casamento têm preparos diferenciados. Os do Sul com massa branca, e recheios variados – herança do colonizador português.

Vem da França a concepção do bolo de noiva que conhecemos até hoje. Eles foram os primeiros a juntar os diversos bolos em um só e decorá-los com glacê. Hoje, cada vez mais requisitado e bonito, o bolo de casamento continua merecendo destaque na festa – figura central do momento máximo: o corte feito pelos noivos, acompanhado do brinde com a champanhe. A noiva pode até dispensar uma recepção mais completa, mas do bolo e da champanhe, não.

Você sabia que os andares do bolo também tem um significado? O primeiro andar seria o compromisso, o segundo, o casamento e o terceiro, a eternidade.

Entre em contato e faça sua encomenda: www.cesarmonteiro.com | (41) 3322 1666 | contato@cesarmonteiro.com

Leia mais

Cupcakes

Categoria(s): Blog, Bolos, Curiosidades
cupcakesO fenômeno dos cupcakes explodiu na cozinha modera nos últimos anos. Surgiu nos Estados Unidos, no século XIX, e é mais um resultado da eterna busca dos americanos pela conveniência. O cupcake surgiu como uma praticidade, por ser menor, assava mais facilmente nos fornos antigos. Como até o início do século XX não existiam formas de assar pequenas, os bolinhos começaram a ser assados em latas pequenas. O cupcake utiliza uma farinha desenvolvida especialmente para bolos que leva glúten do que a normal. E ao lugar de leite, algumas vezes, utiliza-se a buttermilk.

A base dos cupcakes acaba sendo praticamente a mesma para quase todas as receitas, o que muda é seu sabor e sua aromatização. Os recheios, coberturas e confeitos são um encanto a parte.  A grande diferença dos cupcakes brasileiros para os originais americanos está na textura e doçura. Enquanto os cupcakes americanos tem a massa seca e cobertura muito doce, os feitos aqui acabaram se adaptando ao nosso paladar, com uma massa mais molhadinha, recheios e coberturas não tão doces.
Leia mais

Naked Cake

Categoria(s): Bolos

Bolos de dar água na boca

naked-cake

Aqueles que gostam de uma boa festa, seja ela de aniversário ou de casamento, sabem que o bolo desempenha um papel fundamental em qualquer um desses eventos. Muito além de uma simples refeição doce para os convidados, os bolos dizem muito sobre a festa e precisam ser escolhidos atenciosamente, combinando com a decoração, com a ocasião e com o estilo dos convidados e anfitriões.

Aqui no blog, já foi citado o bolo Red Velvet, alimento que possui uma história interessante e um gosto delicioso. Hoje, o assunto é um bolo bastante interessante chamado Naked Cake.

O fantástico bolo Naked Cake

De uns tempos pra cá, esse modelo de bolo tem sido cada vez mais encontrados em cerimônia de casamento. Apesar de ser um alimento muito bonito visualmente, o Naked Cake também desperta uma vontade instantânea nos convidados.

O bolo possui um aspecto mais simples e natural, sendo recomendado para casamentos mais descontraídos e não se adequando a qualquer tipo de lugar. Em sua decoração externa, são encontrados elementos como flores, frutos e outras coisas.

Uma das grandes vantagens em optar pelo Naked Cake está na sua versatilidade em relação aos sabores. Ao invés de possuir um sabor específico de recheio, como a grande maioria dos bolos, nesse modelo é bem vinda a criatividade de quem o faz. Os sabores variam entre chocolate, baunilha, nozes e frutas, lembrando que os elementos também podem ser combinados.

Geralmente, o bolo é visto com dois ou três andares em sua estrutura. É importante mantê-lo refrigerado de alguma forma durante a festa, pois o calor pode deixar o bolo mais mole e, consequentemente, menos equilibrado e bonito.

Para mais informações e encomendas desse delicioso modelo de bolo que vem ganhando grande espaço nos casamentos, entre em contato: www.cesarmonteiro.com.br | (41) 3322 1666 | contato@cesarmonteiro.com

Leia mais

O Bolo Red Velvet

Categoria(s): Blog, Bolos

Misturando sabor e tradição

É difícil encontrar alguém que não saiba apreciar um bom bolo. Quando feita com carinho e atenção, essa deliciosa receitar consegue agradar a todos que a comem. Além do bom gosto, os bolos combinam com todo o tipo de evento e ambiente, estando presentes em celebrações de casamentos, festas de aniversário e, até mesmo, naquela boa noite com a família ou com os amigos.
Se existe um bolo repleto de tradição, é o chamado Red Velvet (veludo vermelho, em português). Essa receita vem de antes da época da Segunda Guerra Mundial e, até hoje, é muito apreciada e possui imenso potencial para agradar os convidados de um evento.

red-velvetA História do Bolo Red Velvet

O doce é de origem norte-americana e seu nome foi dado devido à sua textura e cor, que dão a impressão de que o bolo é realmente feito de um luxuoso e lindo veludo vermelho. A receita tornou-se extremamente conhecida durante a Segunda Grande Guerra.
Na época do conflito, era preciso racionar a quantidade de comida consumida. Sendo assim, as pessoas precisavam ingerir coisas que suprissem as necessidades do organismo humano. A beterraba (responsável pela cor semelhante ao vermelho) é um alimento que possui açúcares e muito ferro, além de existir em abundância nos Estados Unidos.
Na época em que o mundo enfrentava a Crise de 1929, uma empresa americana chamada Adams Extract começou a produzir em grande escala os extratos responsáveis por grande parte do Red Velvet Cake: a cor avermelhada e o sabor, ganhando fama pela popularidade da receita.
Sendo assim, outra versão foi criada em um hotel novaiorquino, espelhada no sucesso absurdo que caiu sobre a receita.
Em sites especializados, é possível achar diversas receitas do famoso bolo. O sucesso do Red Velvet como sobremesa é garantido, assim como o agrado dos convidados.

Leia mais