Call 023 7526 8539 or Make Online ReservationMAKE RESERVATION NOW

Blog » agosto 2013

Iguarias x Especiarias

Categoria(s): Blog

 

Os termos da culinária

Quem entende muito de culinária sabe diferenciar termos e palavras que os leigos simplesmente não conhecem a diferença ou o significado real. A culinária, apesar de incrível, pode parecer confusa em determinados aspectos, como alguns termos presentes na sua linguagem.

Muita gente, por exemplo, utiliza termos diferentes como se representassem as mesmas coisas. Isso acontece pela falta de informação dentro da área e o mal uso de diversas palavras por grande parte das pessoas, inclusive por algumas que entendem de culinária, mas não dão muita atenção ao significado real dos nomes que são utilizados.

Um exemplo forte desse problema é a confusão que existe em relação às palavras ‘especiaria’ e ‘iguaria’. Apesar de muitas pessoas tratarem essas palavras como uma só, as duas possuem significados bastante distintos.

 

Qual a diferença entre especiaria e iguaria

Abaixo, será esclarecida essa dúvida, além de explicado de forma correta o que representa cada uma dessas palavras.

Ervas e especiarias

Especiaria – A palavra especiaria se refere a determinados tipos de condimentos. São temperos utilizados para dar novos sabores às receitas. Elas também podem ser usadas em outras áreas, como a produção de cosméticos e remédios.

O assunto das especiarias aparece bastante na História, na época das grandes navegações. Alguns tipos famosos desses temperos, usados até hoje, são: açafrão, cravo, canela, ervas aromáticas, pimenta e gengibre.

Iguaria – O termo iguaria, por sua vez, se refere a certas receitas finas e apreciadas, típicas de algum lugar. É comum encontrar iguarias diferentes em cada país, podendo ser mundialmente apreciadas ou fazendo parte de um gosto mais nacional.

Como exemplos de iguarias ao redor do mundo, podem ser citados o escargot (iguaria francesa), o sushi (parte da culinária japonesa), o manjar turco (doce turco), entre outros.

 

Leia mais

Topos de bolo

Categoria(s): Blog

Os famosos ‘noivinhos’ do bolo de casamento

lladro

Existem alguns elementos que são comuns nos casamentos que geralmente assistimos. O vestido da noiva, as alianças e as damas de honra, por exemplo, são alguns bons exemplos.

Ainda assim, existem elementos mais discretos que, apesar de não serem tão notados pelos convidados, estão ali e farão a diferença para aqueles que estão com o olhar atento nos detalhes e na composição da obra de arte que é um casamento.

Um desses elementos é o famoso topo de bolo. Os noivinhos que encimam o bolo de casamento estão sempre ali, presentes em todos os tipos de material, inclusive na mais fina das porcelanas.

A porcelana Lladró

Falando em porcelanas finas, é impossível não mencionar a Lladró. Fundada pelos irmãos Lladró na década de 50, na Espanha, possui produtos que, até hoje, são objetos de desejos para quem aprecia artefatos de porcelana. A fabricante se tornou uma das mais importante do mundo no ramo das peças de porcelana.

Nos casamentos, a porcelana não poderia ser mais desejada e agregar mais valor à cerimônia. Para os noivos clássicos, que não dispensam uma cerimônia com muito glamour e elegância, os topos de bolo em porcelana Lladró são praticamente indispensáveis.

Apesar da aparência trabalhada, delicada e bela, os noivos de porcelana são objetos de grande valor e desejo, adequando-se perfeitamente ao bolo e ao casamento em si. Além disso, o uso dos topos de bolo de porcelana Lladró (por possuírem uma história de mais de meio século) representa valorização das tradições por parte dos noivos, coisa que agrada muita gente, principalmente alguns dos convidados mais requintados e críticos da cerimônia.

Leia mais

Naked Cake

Categoria(s): Bolos

Bolos de dar água na boca

naked-cake

Aqueles que gostam de uma boa festa, seja ela de aniversário ou de casamento, sabem que o bolo desempenha um papel fundamental em qualquer um desses eventos. Muito além de uma simples refeição doce para os convidados, os bolos dizem muito sobre a festa e precisam ser escolhidos atenciosamente, combinando com a decoração, com a ocasião e com o estilo dos convidados e anfitriões.

Aqui no blog, já foi citado o bolo Red Velvet, alimento que possui uma história interessante e um gosto delicioso. Hoje, o assunto é um bolo bastante interessante chamado Naked Cake.

O fantástico bolo Naked Cake

De uns tempos pra cá, esse modelo de bolo tem sido cada vez mais encontrados em cerimônia de casamento. Apesar de ser um alimento muito bonito visualmente, o Naked Cake também desperta uma vontade instantânea nos convidados.

O bolo possui um aspecto mais simples e natural, sendo recomendado para casamentos mais descontraídos e não se adequando a qualquer tipo de lugar. Em sua decoração externa, são encontrados elementos como flores, frutos e outras coisas.

Uma das grandes vantagens em optar pelo Naked Cake está na sua versatilidade em relação aos sabores. Ao invés de possuir um sabor específico de recheio, como a grande maioria dos bolos, nesse modelo é bem vinda a criatividade de quem o faz. Os sabores variam entre chocolate, baunilha, nozes e frutas, lembrando que os elementos também podem ser combinados.

Geralmente, o bolo é visto com dois ou três andares em sua estrutura. É importante mantê-lo refrigerado de alguma forma durante a festa, pois o calor pode deixar o bolo mais mole e, consequentemente, menos equilibrado e bonito.

Para mais informações e encomendas desse delicioso modelo de bolo que vem ganhando grande espaço nos casamentos, entre em contato: www.cesarmonteiro.com.br | (41) 3322 1666 | contato@cesarmonteiro.com

Leia mais

Antepasto

Categoria(s): Blog

A Itália é, com certeza, uma das maiores referências gastronômicas do mundo. A culinária italiana está sempre trazendo aos gourmets receitas repletas de sabor inigualável, bom gosto e história, além de tradições na cozinha e termos diferentes.

Um dos melhores costumes italianos é o antepasto, uma tradição que muitos conhecem ou já experimentaram algo parecido, mas não conhecem o termo específico ou o que ele realmente significa.

Antepasto significa “antes da refeição”. É o famoso aperitivo, a parte inicial de uma refeição italiana.

Vale lembrar que esses famosos aperitivos não tem o objetivo de enganar a fome e não são quaisquer tipos de receita. Existem ingredientes específicos, apesar de diversos, que podem constituir uma mesa de antepasto.

Antepasto

Exemplos de antepasto

O antepasto pode ser formado por um ou vários tipos de receita. O objetivo é dar às pessoas o prazer de degustar alimentos bem preparados, que geralmente são exemplos de boa gastronomia.

Os pratos de antepasto possuem elementos fortes na gastronomia italiana, como os queijos e os vinhos. Também são servidas travessas de frutos do mar, frutas, pães e alimentos em conserva.

A seguir, algumas das receitas de uma típica mesa italiana de antepasto.

Caponata – Supostamente oriundo da Sicília, é um prato que sofreu diversas variações ao longo dos anos. O antepasto clássico é feito com ingredientes como a berinjela, a cebola, o azeite de oliva e o açúcar. Também é conhecido como antepasto de berinjela.

Carpaccio – Outra receita clássica servida como antepasto. O Carpaccio é feito com carnes ou peixes crus, contando mais uma vez com a presença forte do famoso azeite de oliva.

Como é possível perceber, o antepasto, apesar de parecer um simples aperitivo, o antepasto é muito mais que isso. Ele é uma amostra de comida bem preparada e gastronomia de respeito.

Para mais informações a respeito dessa parte da refeição italiana, e contratar nossos serviços, visite o nosso site: www.cesarmonteiro.com.br ou então pelos telefones: (41) 3322 1666 / (41) 3018 8716.

Leia mais

Brunch

Categoria(s): Blog

 

O que é um brunch?

Quando se trata de ocasiões que envolvem culinária, existem vários termos utilizados pelos especialistas para diferenciar os mais variados tipos de eventos e refeições. Entre essas expressões está o famoso brunch: palavra surgida na Inglaterra, determinando um meio termo entre o café da manhã e o almoço.

O brunch é um café da manhã tardio, situando-se, como já foi dito, em um período mais próximo ao almoço e um tanto incomum para a primeira refeição do dia. Apesar de não parecer, isso possibilita o oferecimento dos mais variados tipos de refeições e comidas diversas.

O objetivo do brunch é preencher o vazio da falta de café e satisfazer como um

almoço. Geralmente, o brunch sempre satisfaz os presentes na ocasião.

brunch

Como organizar um brunch

O brunch pode ser utilizado em diversos eventos diurnos, como festas de aniversário, reuniões mais reservadas e casamentos que ocorrem pela manhã. Geralmente, é servido na forma de Buffet, contando com diversas opções de comida salgada e doce.

Existem algumas dicas para saber preparar um brunch realmente bom.

Os tipos de comida, por exemplo, devem conter pratos quentes e frios, em uma diversidade que seja capaz de agradar a todos os convidados. Pelo fato de ser uma espécie de mistura entre o café e o almoço, o brunch deve conter elementos presentes nas duas refeições, que são importantíssimas no dia de uma pessoa.

A vantagem dessa união é a de que todos os tipos de comida são muito bem vindos. As carnes e as massas caem bem, assim como alimentos mais matutinos, como diversos tipos de pães e queijos.

Apesar de ser predominantemente salgado, o organizador do brunch não pode esquecer a importância da sobremesa. Ela pode ser formada por variedades de frutas e doces cremosos e macios, como brigadeiros, tortas e bolos.

Leia mais